domingo, 28 de outubro de 2007

P: Apego



boomp3.com

Pegar o tempo e prender a brisa,
apagar o brilho da lua...

O canário canta de alegrias e tristezas...
As vezes querendo estar, noutras obrigado a ficar.

Obsessivos apegos nada vividos
Somente pela regência do acômodo sentido

Uma vontade insana, uma construção depreciativa
Sentir elevação é o desapego a solidão.