sexta-feira, 4 de junho de 2010

Olha a cabeleira do Zezé

A maioria dos trabalhos que tentam explicar a homossexualidade está baseada em alguns genes ou no ambiente hormonal durante o desenvolvimento, influenciando redes neuronais nas quais a preferência sexual estaria. Cerca de 96% da população tem apenas um redemoinho, que rota no sentido horário ou anti-horário. Os redemoinhos são determinados geneticamente, não se alteram com o ambiente. Os pesquisadores estudaram sobre sexualidade e notaram em dois anos que homosexuais têm maior tendência de possuir redemoinho anti-horário.
(fonte: G1 - Espiral)